quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Aeroporto de Malanje orçado em USD 10 milhões

Luanda - A reabilitação do aeroporto da província de Malanje custou ao Estado angolano 10 milhões de dólares norte-americanos, disse hoje (terça-feira), o director de Gestão de Aeroportos e Aeródromos Provinciais da Enana, Emanuel Candegue.




Em declarações à Angop, por ocasião da reinauguração do aeroporto, o gestor disse que a reabilitação da infra-estrutura iniciou em 2008 e que durante as obras estava limitado a receber aeronave de médio porte.




“Com a reabilitação já é possível receber aeronave de grande porte, disse Emanuel Candengue, acrescentando que a pista possui uma dimensão de dois mil e 200 metros de cumprimento e 110 metros de largura”.




As intervenções efectuadas no aeroporto, consistiram na reconstrução profunda do terminal de passageiros, da placa, pista e do táxi-way.




Foi ampliada a sala de embarque, que tinha apenas sete assentos com capacidade para 25 passageiros para, 168 pessoas.



Tem um bar, 15 quartos de banho, uma sala de embarque para passageiros em executiva ou seja sala VIP apoiada por um bar, seis balcões de check in de modelo moderno, que ligam com a área da contentorização, um pórtico, um aparelho de Raio X , que inclui cinco raquetes detectoras.



O aeroporto possui também uma sala de desembarque, apoiada por um tapete rolante, conectada com a área de descontentorização, um restaurante, quatro lojas comerciais, dois gabinetes para companhias operadoras, quatro gabinetes de serviço para a Enana e 20 carrinhos de bagagem.




Quanto a gabinetes de apoio operacional, o aeroporto possui uma sala de Load controle adstrita à TAAG, sala de operações aeroportuárias e de serviço e informação aeronáutica, e de bastidores, centro de controlo técnico e vigilância.




A infra-estrutura tem ainda serviços de apoio á navegação e ao passageiro, como torre de controle equipada com três rádios VHF e um HF, pára-raios e está prevista para curto prazo a instalação de uma consola completa e de um Rádio Farol.




O aeroporto comporta ainda espaços para prestação de serviços, nomeadamente dois guihés bancários, local para bombeiros, para a polícia e um espaço para a gasolineira ou reabastecimento do fuel.





Após a reinauguração, o aeroporto de Malanje recebeu o boeing 737 inaugural da companhia nacional TAAG com a matrícula D2-TBX, que partiu de Luanda, capital do país.




A companhia nacional de bandeira vai, a partir do dia 5 de Janeiro de 2011, ligar com 4 os semanais as cidades de Luanda, Malange e Saurimo.



As quartas e aos sábados, com partida às 10 horas, o percurso será Luanda/Saurimo/Malange/Luanda, já as quintas-feiras e aos domingos a rota será Luanda/Malange/Saurimo e Saurimo/Luanda.


http://www.portalangop.co.ao/motix/pt_pt/noticias/economia/2010/11/52/Aeroporto-Malanje-orcado-USD-milhoes,e39fa34c-aebe-4ea3-b73b-7dc51699a1e9.html

Sem comentários:

Enviar um comentário