quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Relações bilaterais com a Rússia estão a registar novo dinamismo

http://jornaldeangola.sapo.ao/20/0/relacoes_bilaterais_com_a_russia_estao_a_registar_novo_dinamismo
O ministro das Relações Exteriores, Assunção dos Anjos, afirmou, ontem, em Luanda, que a cooperação bilateral entre Angola e a Rússia ganhou um dinamismo significativo.
O titular da pasta das Relações Exteriores, que falava na abertura da sessão da comissão bilateral Angola e Rússia, reafirmou o interesse de Angola em continuar a trabalhar para o desenvolvimento das relações entre os dois países, que vai trazer “benefícios mútuos”.
Assunção dos Anjos realçou que o programa plurianual de cooperação económica, técnico-científica e comercial, o acordo de promoção e protecção recíproca de investimentos e a criação do sistema de comunicação via satélite, assinados entre os dois países, inauguraram uma nova era no relacionamento entre os dois Estados.
A visita do Presidente russo a Angola, realizada no ano passado, representou, na opinião de Assunção dos Anjos, um marco importante para o relançamento, alargamento e reforço da cooperação bilateral a médio e longo prazos.
“No encontro, os presidentes angolano e russo foram unânimes em sublinhar a necessidade de se imprimir à cooperação bilateral um carácter regular e sistemático, indicando os mecanismos para se implementar, com celeridade, as decisões saídas durante a visita”, acentuou o ministro das Relações Exteriores.
Assunção dos Anjos enalteceu as relações de amizade e cooperação entre os dois países, que remontam aos primórdios da longa luta pela conquista da liberdade e soberania de Angola, alcançadas a 11 de Novembro de 1975.
No encontro, que terminou ontem, a comissão bilateral analisou a situação actual da cooperação económica e técnico-científica e as trocas comerciais entre os dois países, além de ter perspectivado o desenvolvimento das relações estratégicas.
As duas delegações aplaudiram a promulgação, por parte do Governo da Federação Russa, do acordo de cooperação a nível da protecção recíproca de investimentos que, segundo o ministro Assunção dos Anjos, vai garantir o aumento das trocas comerciais e o reforço das medidas técnicas que os dois países criam para superar os efeitos da crise e impulsionar as trocas comerciais.
Sobre o programa plurianual de cooperação económica e técnico-científica e comercial, o ministro das Relações Exteriores disse haver programas específicos que estão a ser implementados a nível da cooperação bilateral e que reflectem todos os sectores da actividade económica que são objecto de cooperação bilateral, como a agricultura, pescas, indústria mineira, energia e águas, obras públicas, tecnologias de informação, saúde e transportes.
O ministro dos Recursos Naturais e Ambiente da Rússia, Yuri Trutnev, afirmou, na ocasião, que o seu país deseja desenvolver e reforçar as relações bilaterais nos mais variados domínios. “As relações entre Angola e a Federação Russa estão a ser desenvolvidas de forma dinâmica, o que significa que temos a possibilidade de implementar projectos conjuntos”, sublinhou o ministro russo, para quem os dois países devem continuar a desenvolver projectos no domínio diamantífero e apostar noutros ligados à área da energia e água.

http://jornaldeangola.sapo.ao/20/0/relacoes_bilaterais_com_a_russia_estao_a_registar_novo_dinamismo

Sem comentários:

Enviar um comentário