segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Angola/Eleições: Presidência da UE congratula-se com processo eleitoral em Angola


A Missão de Observação eleitoral da União Europeia congratulou-se com os progressos de Angola no caminho da democracia, indica uma declaração da presidência da organização sobre as eleições legislativas de 5 e 6 de Setembro. De acordo com a declaração da Presidência da União Europeia chegada esta sexta-feira, à Angop, a organização congratula-se com a importância da participação e da serenidade do processo eleitoral, apesar de certas dificuldades de logística e de procedimentos legais. "A União Europeia saúda o desenrolar pacífico dessas eleições e felicita todos os actores angolanos pela sua acção determinante e responsável neste sentido, apesar dos problemas de organização constatados", afirma a nota. A forte mobilização dos cidadãos angolanos, segundo a declaração da presidência da UE, testemunha a importância que estes últimos deram a esse escrutínio. Segundo a declaração, essas eleições são um acontecimento histórico para Angola, 16 anos após o último processo eleitoral. "A União Europeia convida as autoridades angolanas a continuarem na via de democratização e a consolidar a paz", adianta a declaração da presidência em nome da União Europeia sobre a realização das eleições legislativas em Angola. A Turquia, a Croácia - a antiga República Jugoslava de Macedónia, a Bósnia Herzegovina, Montenegro, a Servia, Islândia, o Liechtenstein e a Noruega, Ucrânia , República da Moldava, Arménia e a Geórgia juntam-se à presente declaração. Fonte:Angop

Sem comentários:

Enviar um comentário